Translate

Cores e Chakras: ativação e alinhamento dos centros sutis de energia

ativação e alinhamento dos chakras

O exercício deve ser feito da seguinte forma: Após o preparo do ambiente e de si mesmo (asseio pessoal), deite-se confortavelmente, feche os olhos e fazendo uso da respiração abdominal, deixe seu corpo livre de tensões, relaxe. 

Quando sentir que está pronto comece a imaginar que a cada inspiração você absorve a cor correspondente de um chakra e a dirige para o mesmo. Retenha por um instante a inspiração e depois expire esvaziando-se completamente. Repita algumas vezes e depois passe para o chakra seguinte, não esquecendo de mudar a cor na visualização conforme o chakra a ser trabalhado. 

Comece pelo chakra básico e vá subindo até chegar ao coronário. 

Quando atingir o chakra coronário, imagine que a luz violeta flui do alto de sua cabeça e se "derrama" sobre todo o seu corpo. Sinta-se envolvido pela energia dessa cor, sinta-se pleno, seguro, forte e em paz.

Volte aos poucos, fazendo ciclos completos de respiração, numa contagem regressiva de dez até um. Abra os olhos lentamente, alongue o corpo e sinta-se de volta ao aqui e agora.

Abaixo temos as cores e as correspondências com os chakras.


 


Vermelho: É uma cor poderosa e deve haver precauções no seu uso, pois em excesso pode provocar nervosismo e ansiedade. Pode despertar a sexualidade e erotismo.  Ativa a circulação e estimula o sistema nervoso. Vibra no períneo, na base do órgão sexual. Representa os instintos mais básicos do ser humano, a que recorremos sem a necessidade de consciência. É a cor do sangue, das paixões intensas e da carne, todos elementos muito mundanos. Frutas e flores têm esta cor mas, na natureza, ela significa perigo, mesmo que seja um alarme falso às vezes. O vermelho, está ligado ao chakra básico, que está localizado no baixo ventre e comanda a coluna vertebral.



Laranja: É uma cor alegre e antidepressiva. Rejuvenesce e melhora o metabolismo e o sistema digestivo. Pode elevar a pressão sanguínea. Vibra no umbigo, centro do corpo. Representa a ligação com a maternidade pelo cordão umbilical do qual devemos nos livrar a fim de amadurecer. Alimentos ricos em vitaminas e minerais pode ter esta cor, assim como a própria terra. Energizante principalmente para o corpo. Corresponde ao chakra umbilical ou sacro, que comanda as ações relacionadas com o sexo. Influencia o processo de tomar decisões.


Amarelo: É uma cor inspiradora por isso pode provocar alguma distração e perda do foco. Esta cor influencia o dinamismo e a capacidade de expressão. Beneficia os olhos, ouvidos, ossos e tecidos internos. Vibra no topo do estômago. Representa a energia do corpo humano, está perto do órgão que transforma a natureza em energia pura. Associada também ao ouro e ao trabalho que enobrece a alma, seja ele braçal ou intelectual. Encontrada em alimentos ricos em vitaminas. Estimulante para corpo e mente. Está ligada ao chakra plexo solar que rege o estômago e corresponde ao poder pessoal e autorrealização.


Verde: É uma cor associada à natureza, tranquilidade, equilíbrio e saúde. Ajuda em problemas cardíacos, dores de cabeça, insônias, etc. Vibra no coração. Representa a terra, a vida na terra e a saúde, assim como as fontes de energia externas. Nossa identificação como seres presos ao plano terreno e agentes diretos sobre o planeta. Os meios que temos de nos elevar através da interação com os elementos da natureza. Calmante para o corpo, mas estimulante para o cérebro que necessita de atenção e concentração pacíficos. É uma cor referente ao chakra cardíaco, que comanda o coração e o sistema circulatório.


Azul: É uma cor relaxante, que traz paz, serenidade e promove a meditação. Baixa a pressão arterial e tem função analgésica. Vibra na garganta. Cor do céu mas pouquíssimo vista na natureza, que tudo harmoniza. Representa a capacidade de autoconhecimento do homem, o primeiro passo para a consciência de que há algo além da Terra. Absolutamente calmante pois é fria e não nos tira da zona de conforto que é nosso planeta natal. Corresponde ao chakra laríngeo, que atua no sistema respiratório e comanda a expressão verbal.


Índigo: É uma cor que simboliza a intuição e a compreensão. Purifica o sangue e tem um efeito anestésico e coagulante. Vibra na testa, entre os olhos. Representa o espaço e também a elevação até onde a nossa percepção alcança. É a cor do fundo do mar e representa o mistério do desconhecido. Acalma, mas pode trazer uma certa depressão pois é uma cor muito fria e sem brilho. Está ligada ao chakra frontal, localizado no centro da testa e que controla o sistema nervoso.


Violeta: É uma cor relacionada com a estabilidade e paz na consciência. Promove a concentração e eleva a autoestima. Acalma os nervos, relaxa  os músculos do corpo, e elimina infecções e inflamações. Vibra no topo da cabeça. Representa a elevação espiritual, a percepção dos planos além da Terra, a cura da alma. É vista na natureza em flores e alguns alimentos raros, uma cor nobre. Calmante para o corpo e estimulante para o espírito, pois pode aparecer em tons frios ou brilhantes. Corresponde ao       chakra coronário, localizado no alto da cabeça e que está relacionado com a concentração e espiritualidade. 



Fonte de pesquisa: Deepak Chopra e Amit Goswami.
   
   

2 comentários:

  1. Obrigado por esta postagem, Nina Drabardi! Veio a atender minha curiosidade. Sucesso com o seu blog mágico!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...